Nesta Black Friday, o Guia da Cozinha já te forneceu todas as informações essenciais para reformular sua cozinha completa! De forno elétrico e AirFryer até adega climatizada e cooktop, você já conhece o passo a passo para fazer o investimento certo. Agora, só falta o principal: a geladeira!

Até porque, a geladeira está sempre ali e sua presença na cozinha é imprescindível! Entretanto, adquirir a sua primeira geladeira ou mesmo atualizar a sua casa com um modelo mais novo pode ser um grande desafio.

Você conhece as especificações de degelo ou as especificações de dimensões? Ou ainda quais são as novas tecnologias disponíveis para cada modelo? Pois é! E essas são dúvidas importantes já que dizem respeito a capacidade do eletrodoméstico.

Por isso, confira as nossas dicas e saiba escolher, passo a passo, qual a geladeira com melhor custo-benefício para a sua realidade! Confira:

Os tipos de degelo

As geladeiras seguem dois tipos de degelo: o Cycle Frost ou o Frost free! Assim, é preciso estar atento ao tipo de modelo adquirido, porque este detalhe pode parecer banal, mas vai fazer toda a diferença na rotina de limpeza do seu lar.

No Cycle Frost, como o próprio nome indica: há um ciclo de congelamento. Nele, as paredes do freezer ficam gradualmente mais espessas, tornando o descongelamento periódico. Este, por sua vez, pode ser de duas maneiras: semiautomático ou manual.

Ou seja, no degelo semiautomático, basta clicar um botão para que a geladeira comece o processo de descongelamento. Em seguida, seu funcionamento é retomado automaticamente. Por outro lado, o degelo manual requer que você mesmo desligue a geladeira e, ao término do processo, volte a religá-la.

Por outro lado, Frost free é o tipo mais moderno encontrado no mercado. Graças a essa tecnologia inovadora que não exige a rotina de descongelamento constante, é preciso se preocupar apenas duas vezes ao ano ou, em determinados modelos, nunca!

Sim, parece um sonho, mas é realidade: alguns modelos de geladeira Frost free são autossuficientes e regulam sua temperatura sem necessitar de descongelamento. Ou seja, é a praticidade em formato de eletrodoméstico! E os pontos positivos não param por aí: sem o acúmulo de gelo, você acaba com mais espaço no freezer.

Quantas portas é o ideal?

A quantidade de portas pode parecer um luxo, mas é, na verdade, um ponto muito importante a se considerar no momento da compra. No que diz respeito ao fluxo de utilização da geladeira e os hábitos da casa, por exemplo, a quantidade de portas pode impactar na praticidade da rotina e também gerar até economia de energia.

Nesse sentido, uma geladeira de apenas uma porta é mais compacta, perfeita para quem mora sozinho ou tem uma família menor. Com o congelador na parte interna, este tipo de modelo tem até 300L e exige menos energia. Se, na sua família, há o costume de congelar refeições, que tal pensar em uma geladeira de duas portas? Nesses modelos, o freezer é separado e, por isso, é possível preservar a temperatura de cada parte com uma eficácia muito maior!

Além de possuírem uma maior capacidade em litros, a geladeira de duas portas também pode aprimorar o visual da sua cozinha, já que pode variar no tipo top freezer, em que o congelador está tradicionalmente na parte de cima, ou o inverse, em que o freezer fica na parte de baixo.

Nos modelos mais tecnológicos (e mais caros), a variedade de portas é ainda maior. Por exemplo, as geladeiras side by side são aquelas com duas portas, lado a lado, e espaço equivalente entre freezer e refrigerador. Nesse tipo de modelo, é possível encontrar algumas geladeiras com capacidade de até 450L, que são perfeitos para famílias grandes.

A geladeira que cabe na sua cozinha

Ainda falando sobre os tamanhos de geladeira, é interessante pensar em três categorias: pequena (até 300L), média (entre 300L e 400L) e grande (a partir de 400L). Portanto, vale a pena estar de olho nas dimensões da geladeira a ser adquirida!

Para isso, confira as medidas da geladeira e evite surpresas! Além disso, é preciso também considerar se o eletrodoméstico passará pelas portas, corredores, escadas e/ou elevadores. E, por fim, também é necessário deixar uma folga de 10 cm acima, atrás e nas laterais da geladeira, para evitar um superaquecimento.

Outros detalhes importantes são: voltagem e garantia! As geladeiras podem exigir 127V ou 220V: verifique antes de comprar para evitar dores de cabeça. Por fim, não se esqueça de conferir a garantia de fábrica para fugir problemas futuros.