Tradicional da culinária francesa, o molho béarnaise foi batizado com o gentílico da região de Béarn, no sudoeste do país. No entanto, a verdade é que seu nome não é uma homenagem direta ao local, mas sim alguém que nasceu lá: o rei Henrique IV.

Segundo diz a lenda da origem do molho béarnaisea receita teria sido criada em por volta de 1830, no restaurante Pavillon Henri IV, em Saint-Germain-en-Laye, situado a noroeste de Paris. Sobre o cozinheiro, só se sabe seu nome, que seria Collinet. Preste atenção no nome do restaurante! Sim, Henrique IV.

Sendo esta a história de fato do molho ou não, o preparo se tornou popular na França e ganhou o mundo. Outro detalhe é que o condimento é conhecido como um “parente” próximo do molho holandês. Isso porque ele é feito a partir da emulsão de gemas cruas com manteiga.

Com um passo a passo especial para prepará-lo, o molho geralmente acompanha carnes vermelhas, aves ou batatas. Vai servir algum desses pratos em casa e quer deixá-los mais sofisticados? Então veja aqui como fazer seu próprio molho béarnaise e incremente suas refeições com esse condimento francês.

Confira a seguir a receita completa. Não se esqueça de anotar os ingredientes que vai precisar e de seguir o passo a passo com atenção! Bon appétit!

Molho béarnaise

Ingredientes do Molho béarnaise:

  • 1 colher de sopa de vinagre de maçã
  • 2 colheres de sopa de água filtrada
  • 2 gemas
  • 200g de manteiga
  • 1 colher de sopa de estragão fresco ou seco
  • 1 colher de sopa de caldo de limão
  • Pimenta do reino e sal a gosto

Modo de preparo:

  1. Pique o estragão em pedacinhos bem pequenos e reserve
  2. Em seguida, leve a manteiga por alguns segundos no micro-ondas até que esteja derretida
  3. Em outro recipiente, adicione o vinagre, as gemas e bata com fouet até obter uma mistura espumosa.
  4. Leve uma panela com um pouco de água ao fogo baixo até que a água esteja quente
  5. Desligue o fogo e então coloque a tigela com a mistura de gemas e vinagre sobre a panela com a água. Mas atenção: a água quente não deve encostar no fundo da tigela com o creme de gemas para ele cozinhar lentamente
  6. Assim que colocar a tigela no banho maria, comece a bater vigorosamente a mistura de gemas com o fouet.
  7. Enquanto isso, vá adicionando (em forma de fio contínuo) a manteiga derretida ao creme de gemas até que a mistura comece a encorpar
  8. Se a mistura começar a esfriar demais, ligue o fogo baixo novamente por alguns instantes até que a água esquente novamente
  9. Quando o molho chegar na consistência de um creme, retire o recipiente da panela e adicione o estragão picado, o suco de limão, a pimenta do reino e o sal
  10. Sirva a seguir.

Colaboração: Laura Franco, nutricionista e gastrônoma