Listamos as melhores ervas frescas para você usar em diversas receitas!

Seja em um arroz com feijão ou um prato mais elaborado, é preciso sempre estar atento aos sabores e combinações. É por isso que costumamos apostar nas ervas frescas para extrair o melhor de um prato e realçar ainda mais o seu sabor. Seja para decorar aquela pizza de final de semana ou deixar aquele feijão ainda mais divino, essas ervas são indispensáveis em diversos preparos.

Além disso, também é possível cultivá-las em casa e ter tudo sempre à mão – que facilita bastante a nossa vida. E se você não tem o costume de usá-las ou não sabe diferenciar uma da outra, não se preocupe! O Guia da Cozinha vai listar algumas ervas frescas para você conhecer e apostar nos mais variados pratos no seu dia a dia. Já chega de não saber a diferença entre coentro e salsa, né? Dá só uma olhada:

Alecrim

Foto: Guia da Cozinha

Mais perfumado que o alecrim, não há! Você pode utilizá-lo no preparo de carnes de sabor mais suave – frango, cordeiro, porco – e legumes ao forno com um pouco de azeite. O alecrim é uma erva de sabor e aroma intensos, por isso, use com prudência para não exagerar e perder todos os demais sabores do seu prato. Um ramo ou dois é o suficiente para um frango inteiro, por exemplo. Também está liberado usar o alecrim em uma manteiga de ervas, fica incrível!

Salsa

Foto: Unsplash

Quer versatilidade e frescor à mesa? Então, pode usar e abusar da salsa. Também conhecida como salsinha, seu sabor vai bem em diversas preparações como bolinhos, sopas, recheios e tortas. Você pode finalizar um prato com suas folhas inteiras ou cortá-las com a faca que a sua aparência não vai se comprometer! Os talos da salsinha também podem garantir sabor a caldos e finalizar saladas, purês e carnes grelhadas.

Louro

ervas frescas
Foto: Guia da Cozinha

Feijão sem louro, é feijão? Bom, essa é uma das ervas frescas mais coringas, já que seu sabor é inigualável tanto com a folha fresca ou seca. É uma ótima aposta para ensopados, marinadas de carnes suínas e bovinas, molhos e na nossa tradicional e indispensável feijoada! É recomendado retirar a folha ao servir o seu prato e claro, uma folha já basta para trazer um sabor muito especial.

Coentro

ervas frescas
Foto: Pexels

Ele é polêmico, já que tem gente que ama e uma galera que odeia na mesma proporção. Para os amantes do coentro, ele não pode faltar em peixes, ceviches, bobó, baião-de-dois e, até mesmo, na salada de alface e tomate! Tem um aroma delicioso e não pode faltar no tradicional guacamole. É melhor trazer o coentro no final do prato, para conservar seu frescor e seu sabor. E pegue leve, porque o sabor do coentro pode dominar o prato!

Tomilho

ervas frescas
Foto: Pexels

Para aromatizar diversos pratos, o tomilho é uma boa pedida. Possui um sabor marcante e é comumente usado em ensopados, caldos, marinadas e preparos ao forno. Também pode ser utilizado com as folhas secas, mas, seu sabor fica mais acentuado quando seus galhos estão frescos. Para o preparo de carnes, o tomilho combina com aves, carne bovina e cordeiro.

E aí, gostou de aprender sobre essas deliciosas ervas frescas? Compartilhe e comente!