A culinária acompanha os reflexos da época em que está inserida. Em uma era digital, as receitas que surgem nas principais mídias costumam ter um tempo de duração menor para acompanhar o estilo de vida ágil e característico dos seguidores. O perfil Receitas em 15 segundos é a síntese desta tendência.  

Bastou uma inspiração pessoal, somada às mudanças tecnológicas, para que o advogado João Pedro Coutinho desse um salto na sua carreira como uma das principais figuras da web quando o assunto é gastronomia. A partir do Instagram, o goiano passou a expressar seus dotes na cozinha, mas com um diferencial curioso.

Foto: Reprodução

Por meio do recurso de vídeo, em que os 15 segundos são suficientes para a determinar o passo a passo de uma receita, João conseguiu emplacar o primeiro canal brasileiro de receitas nesse estilo audiovisual. A ideia promissora rendeu frutos e, hoje, configura-se como o primeiro perfil brasileiro sobre culinária no Instagram. Veja a seguir a entrevista realizada com o advogado, na qual ele conta mais sobre as suas experiências com esse projeto!

1– A quem ou ao quê se deve sua paixão pela culinária? Como foi o início desse interesse?

A paixão nasceu de uma inspiração na verdade, duas! Minhas avó são cozinheiras “‘de mão cheia” e sempre acompanhei ambas, sentado próximo ao fogão, ainda quando criança. Com o tempo, fui me aventurando.

2-Qual foi o insight para a criação de um canal de culinária com receitas realizadas em 15 segundos?

Veio do próprio Instagram, a partir dessa ideia do canal em 15 segundos. Na época estava explodindo a criação de blog e canais no YouTube e as pessoas mais próximas sempre sugeriram que eu seguisse a tendência. Mas, se eu criasse nessas duas plataformas, literalmente, seria mais um, visto que não teria um “diferencial competitivo”. A rede liberou vídeos de até 15 segundos no feed e, na época, obrigatoriamente, feitos pelo celular e sem edição. Isso me colocou no mesmo nível que qualquer pessoa ou grande empresa. Testei e vi que seria possível.

3- Dentre as receitas feitas no Receitas em 15 segundos, desde o seu início, qual teve maior número de visualizações?

A primeira a explodir foi um Grand Petit Gateau, inspirado na rede Paris 6, que, naquela época, era uma receita “secreta”. Fiz a versão da atriz Stephany Brito, já que todos os pratos lá são inspirados em famosos, e ela acabou curtindo e comentando. Esse foi o primeiro grande sucesso do canal.

4- Quais foram os frutos do perfil em relação à sua carreira?

O canal já teve vários avanços comerciais com grandes marcas, assim como o crescimento de seguidores algo orgânico. O mais forte do canal são os seguidores, que são fiéis, e acabam conquistando ainda mais pessoas ao marcarem nos comentários, enviarem [o perfil] no privado etc. Naturalmente, algumas marcas iriam querer essa exposição.

5-Poderia falar sobre como se deu a ideia da criação de um e-book por meio do Receitas em 15 segundos?

O livro veio como mais uma ideia de monetizar o canal! E foi muito bacana a experiência. Tivemos um bom volume de vendas e um bom retorno do pessoal! Mas, hoje, não vivo apenas da receita. Sou líder da equipe de uma startup multinacional e concilio as duas rotinas.

6- Como é feito o processo de seleção de receitas? Há contribuição do público? Se sim, de que forma os seguidores podem contribuir?

São os seguidores que mandam no canal. É incrível como a lista de indicações e pedidos é infindável. Algumas receitas, escolho pensando no crescimento do canal (receitas famosas), mas vem do público, principalmente via direct ou em stories destacados na página do canal!

Texto e entrevista: Rafael Toledo

LEIA TAMBÉM