Da horta para sua mesa: saiba a procedência dos legumes congelados - Guia da Cozinha
Filtros

Tipos

Dificuldade

legumes congelados coloridos
Legumes congelados: praticidade e saúde no dia a dia.

Da horta para sua mesa: saiba a procedência dos legumes congelados

  • fácil

Oferecido por:

Daniela Andrioli9 de dezembro, 2017

Há algum tempo muito se fala em Organismos Geneticamente Modificados (OGM) e alimentos transgênicos. Afinal, o que são eles? Como eles interferem no seu organismo? Qual a relação dos legumes congelados com esses conceitos? Conversamos com especialistas que explicam tudo o que você precisa saber para cuidar melhor da sua alimentação.

Por trás dos termos

De acordo com Adriana Brondani, bióloga do Conselho de Informações sobre Biotecnologia, “um OGM, segundo a Lei de Biossegurança (11.105/05), é um ser vivo que teve seu material genético (DNA/RNA) modificado por engenharia genética. Já o termo transgênico, que não é definido pela lei, é um organismo que contém um ou mais segmentos de DNA ou genes que foram manipulados entre ou  intraespécie. Assim, o transgênico é um tipo de OGM, mas nem todo OGM é um transgênico”.

Mocinhos ou vilões?

Conforme explica Ricardo Ziani, coordenador de culturas da Agristar do Brasil, “até hoje não ficou comprovado nenhum malefício dos OGM à saúde humana, porém, cada país tem sua legislação a respeito do assunto. No Brasil, não é permitido o consumo in natura de alimentos transgênicos, ou seja, o produto tem que passar por algum tipo de beneficiamento. Por exemplo: o fubá produzido com milho transgênico pode, mas o consumo desse milho in natura não pode”.

De olho na origem

“No Brasil, a legislação sobre o assunto exige que todo alimento industrializado tenha, em sua embalagem, o aviso que contém OGM. Geralmente, isso é feito por meio do símbolo de um triângulo amarelo com a letra T no meio”, informa Ziani. Outra forma de saber de onde vem o que você consome é a rastreabilidade, que identifica o que é e como foi
produzido o alimento, de onde veio e para onde vai (isso pode ser feito por meio de um código no rótulo). “A rastreabilidade ajuda a população na hora de adquirir os produtos, pois pela internet é possível rastrear esse produto desde a origem e saber se realmente foi produzido seguindo as normas vigentes a respeito de uso de defensivos agrícolas elaborados pelo Ministério da Agricultura”, explica o especialista.

Pode confiar nos legumes congelados!

Uma opção segura e confiável para as suas refeições são os legumes congelados D’aucy®. Eles não contêm OGM, pois o conceito da empresa é fornecer um alimento o mais saudável possível. Para garantir que isso aconteça, a D’aucy® tem um forte controle sobre os seus produtores, acompanhando todos os processos desde o cultivo até a comercialização. Além disso, a empresa trabalha com sustentabilidade, usando uma variedade adequada fazendo uma seleção dos campos mais propícios, o que permite o mínimo uso de defensivos. Todos esses controles permitem uma colheita com o melhor ponto de maturidade, garantindo máxima qualidade nutricional e segurança alimentar. Que tal, então, experimentar uma deliciosa refeição à base de legumes congelados in natura? É só seguir a receita abaixo!

Culinarista: Angela Cardoso FOTO: Olicio Pelosi

Receita da lasanha de brócolis e espinafre

Tempo: 20min (+6 min de descanso)
Rendimento: 4 porções
Dificuldade: fácil

Ingredientes da lasanha

• 2 colheres (sopa) de manteiga
• 2 colheres (sopa) de Cebola Congelada Daucy® picada
• 1 colher (sopa) de Alho Congelado Daucy® picado
• 1 pacote de Espinafre em Folha Congelado Daucy® (400g)
• 1 pacote de Brócolis Congelado Daucy® (300g)
• Sal a gosto
• 500g de massa para lasanha pré-cozida
• 300g de queijo mussarela fatiado
• 1/2 xícara (chá) de queijo parmesão fresco ralado para polvilhar
• Molho branco:
4 colheres (sopa) de manteiga
• 5 colheres (sopa) de farinha de trigo
• 5 xícaras (chá) de leite
• 1/2 xícara (chá) de creme de leite
• Sal e noz-moscada a gosto

Modo de preparo

Em uma panela derreta a manteiga em fogo médio e polvilhe a farinha de trigo. Frite a farinha por 2 minutos. Junte o leite e mexa até engrossar. Junte o creme de leite e o refogado de espinafre e brócolis. Tempere com sal e noz-moscada. Montagem: em um refratário, espalhe um pouco de molho e faça camadas de massa, queijo mussarela e molho até terminar os ingredientes, finalizando com molho. Polvilhe o queijo parmesão e leve ao forno médio preaquecido por 25 minutos. Sirva em seguida.

 

LEIA TAMBÉM: