Aprenda a como preparar o ovo da maneira correta e não erre mais!

Para quem está dando os primeiros passos na culinária, talvez seja difícil até fritar um ovo, não é? Tudo bem, acontece com todo mundo, mas quem já tem um pouquinho de experiência também pode precisar de algumas dicas para preparar o ovo e deixar qualquer prato ainda melhor! Além disso, o ovo é um ingrediente muito versátil mas extremamente delicado, então é preciso tomar alguns cuidados para que tudo dê certo – inclusive para nossos cozinheiros de primeira viagem.

Então, calma, respira, que o Guia da Cozinha vai te ensinar a como preparar o ovo para que tudo dê certo e o resultado final seja delicioso. Separamos algumas dicas valiosas que vão te dar uma ajudinha independente do modo de preparo que você escolher. Se você é iniciante ou não, sempre vale dar uma lida para aprimorar as suas técnicas! Vamos conferir?

1. Os cuidados

Se você quebrava os ovos na sorte e já colocava direto na receita, vamos parar com isso aí. Sempre quebre os ovos em recipientes separados antes de adicionar às receitas. Isso evita que um ovo estragado contamine os demais ingredientes e ponha tudo a perder. Ninguém aqui quer jogar toda a receita fora por causa de um ovo.

2. O ovo está bom?

Para verificar se o ovo está bom, mergulhe-o em um copo com água. Se ele afundar, está próprio para o consumo. Se boiar, descarte. O ovo podre boia na água devido a produção de gases em seu interior, que reduzem o peso. Essa dica valiosa e simples vai ajudar a preparar o ovo corretamente sem nenhum risco para a sua saúde!

3. De olho na Salmonella

Cuidado com a Salmonella, uma das grandes responsáveis por intoxicações alimentares. Ela é uma bactéria que se desenvolve nos alimentos contaminados por fezes de animais. Os principais sintomas são diarreia, febre, dores na barriga e na cabeça. Pode haver complicações mais graves se a bactéria cair na corrente sanguínea. No ovo, ela se aloja na gema.

Por isso, lave bem as mãos antes e depois de pegar nas cascas de ovos não higienizados. A Salmonella pode entrar nos ovos através de rachaduras da casca. Para evitar, compre sempre ovos com cascas limpas e perfeitas. Como o calor destrói a bactéria, evite receitas que levam gema crua e que não vão ao fogo ou forno durante o preparo.

4. Nada de casca quebrada

Tá afim de preparar o ovo cozido? Uma dica para evitar qualquer transtorno é deixá-los em temperatura ambiente por alguns minutos antes de colocá-los na água fervente, pois se estiverem gelados, a casca pode quebrar – choque térmico né, galera, acontece. Isso também pode levar a uma alteração no sabor. Coloque sempre os ovos em água fria e espere levantar fervura.

5. Retirando a casca

Cuidado ao retirar a casca do ovo após o cozimento. Espere esfriar totalmente antes de remover a casca para evitar queimaduras. E quer uma dica show para retirar a casca muito mais rápido? É só colocar o ovo dentro de um copo e sacudir um pouco, de leve. Em questão de segundos você consegue retirar a casca por completo!

6. Ovo frito perfeito existe!

Para preparar o ovo frito perfeito, quebre 1 ovo em uma xícara, com cuidado para não furar a gema, e reserve. Aqueça 3 colheres (sopa) de óleo em uma frigideira antiaderente, em fogo médio. Despeje o ovo delicadamente no óleo aquecido. A clara ficará branca em poucos segundos. Polvilhe com sal e pimenta-do-reino a gosto. Para obter um ovo frito com a gema mole, com uma colher, regue apenas a clara com o óleo da frigideira por 3 minutos. Já para o ovo ficar com a gema dura, regue toda a superfície, inclinado a frigideira um pouco, se necessário.

7. Ovo pochê de dar inveja

Quer um ovo pochê dos deuses? Coloque 1 colher (sopa) de vinagre branco em uma panela com água e leve ao fogo médio. Quebre o ovo em um recipiente e coloque na água. Tampe a panela e cozinhe por 3 minutos. Retire o ovo com uma escumadeira. Polvilhe com sal e pimenta-do-reino a gosto. Qualquer chef de cozinha iria se orgulhar de você!

8. Ovo cozido fácil

Para preparar o ovo cozido nem é tão difícil assim, meu caro amigo desbravador da cozinha. Disponha os ovos no fundo de uma panela, com cuidado para não quebrar a casca. Todos os ovos devem caber na base da panela e não podem ficar uns sobre os outros. Adicione água fria até dois dedos acima dos ovos. Leve ao fogo médio e, quando a água começar a ferver, conte 6 minutos para obter ovos mais moles ou 10 minutos para ovos mais duros. Quando terminar o cozimento, transfira os ovos para uma tigela com água fria. Isso ajuda a não escurecer em volta da gema. Espere esfriar, descasque e desfrute!

9. Ovos que mexem com seu coração

Para fazer ovos mexidos lindos como aqueles de café da manhã de hotel, bata os ovos ligeiramente em uma tigela apenas para misturar. Tempere com sal e pimenta-do-reino a gosto. Aqueça manteiga, óleo ou azeite, em uma frigideira, em fogo baixo, adicione os ovos batidos e misture com um garfo por 2 minutos ou até cozinhar. Interrompa o cozimento alguns instantes antes de finalizar, pois o calor faz com que os ovos continuem endurecendo. Tcharan, certeza que o resultado vai ficar estupendo!

10. Fazendo um omelete maravilhoso

O omelete na frigideira é um clássico do jovem sem tempo para cozinhar. A gente te ensina como fazer para não acabar com a sua refeição do dia: quebre os ovos em uma tigela, tempere com sal, pimenta-do-reino e bata ligeiramente com um garfo. Em uma frigideira antiaderente, em fogo médio, aqueça manteiga, óleo ou azeite. Despeje os ovos e gire a frigideira para distribuir por igual. Frite por 3 minutos, levantando as beiradas com um garfo para escorrer o ovo cru para baixo. Quando desgrudar da frigideira, vire com a ajuda de uma espátula ou de um prato para firmar do outro lado. Recheie a gosto e dobre a omelete ao meio.

Para dar aquela incrementada marota o sabor da omelete de frigideira, experimente adicionar à mistura de ovos queijo ralado, tomate em cubinhos, cheiro-verde picado, salsicha fatiada, cebola picada ou azeitona picada. A festa é sua amigo, use e abuse da criatividade.

11. Omelete de forno?

Sim, meus caros, é possível fazer essa delícia usando o seu forno! No forno o procedimento de bater e temperar os ovos é o mesmo, mas a mistura deve ser colocada em um refratário untado com margarina ou óleo. Depois é só levar ao forno médio, preaquecido, por 20 minutos ou até firmar e dourar.

O omelete de forno pode ser ainda mais incrementada e se transformar em uma refeição completa. Você pode acrescentar frango cozido desfiado, carne moída refogada, linguiça picada refogada, couve fatiada, bacon em cubos frito, ervilha ou milho verde em conserva escorridos, palmito picado, abobrinha em rodelas ou ralada, cenoura ralada, frios picados, champignon em fatias, vagem cozida picada, pimentão picado ou requeijão. Sua criatividade tem que ser do tamanho da sua fome, mas vá com calma para desfrutar do sabor do omelete por completo.

12. Fofinho como uma nuvem

Vamos lá, o omelete não precisa ser aquele disco de ovo achatado com recheio dentro. Ele tem que ser leve, fofo e com um volume legal! E para você conseguir isso, adicione colher (café) de fermento em pó na hora de bater os ovos. E bater os ovos é um processo importante para se conseguir uma boa textura, experimente bater em movimentos de vai e vem com um garfo, por um tempinho. Isso ajuda a incorporar ar no omelete, que vai deixa-lo do jeito que queremos. Mas não bata demais, não queremos romper a liga dos ovos! Daí é só colocar na frigideira e seguir as dicas acima.

Gostou das nossas dicas de como preparar o ovo perfeito? Não deixe de compartilhar nas redes sociais!