Conheça 7 tipos de açúcar e aprenda como usá-los nas suas receitas!

Conheça 7 tipos de açúcar e aprenda como usá-los nas suas receitas!

  • Serve:

  • Tempo:

Quadradinhos de açúcar com uma colher cheia de açúcar.
FOTO: Shutterstock.com
Receita salva

O açúcar é o responsável pelo sabor doce de pratos deliciosos que dão aquela sensação enorme de prazer em muita gente. Existem diversos tipos disponíveis no mercado, mas será que você sabe diferenciar cada um deles? Veja as características de cada tipo de açúcar e encontre qual se encaixa melhor em suas preparações.

Quadradinhos de açúcar com uma colher cheia de açúcar.
FOTO: Shutterstock.com

Refinado

É o açúcar branco mais comum de se encontrar. Ele tem esse nome pois passa por um processo de refinamento, recebendo aditivos químicos que deixam o grão bem branco e com aparência uniforme. O lado ruim é que nesse processo ele perde grande parte de suas vitaminas e minerais. É usado no preparo de quase todas as sobremesas e bebidas, como sucos e cafés.

Cristal

Seus grãos são maiores e mais transparentes, por isso é difícil de dissolvê-lo. A técnica de refinamento usada é leve, mas ainda assim retira cerca de 90% dos sais minerais do alimento. Porém, rende bastante e é econômico.

Orgânico

Ele é diferente de todos os outros por ser mais escuro e mais grosso, e é o mais caro também. Em nenhum momento são usados ingredientes artificiais ou agrotóxicos nesse tipo de açúcar, desde o plantio da cana até a industrialização.

De confeiteiro

Muito usado para decorar bolos e tortas por causa dos grãos bem finos. Isso porque o processo de refinamento ao qual ele é submetido é mais sofisticado, passando por uma peneiragem para que os cristais sejam separados de acordo com a granulometria, seguindo um padrão de tamanho. Antes de ser embalado, o açúcar recebe uma pequena quantidade de amido de arroz, milho ou fosfato de cálcio, para que os grãos não grudem dentro do pacote.

SAIBA MAIS

Pudim de leite com requeijão

5 alimentos poderosos contra diabetes

7 alimentos termogênicos para incluir no cardápio!

Mascavo

Ele tem a cor caramelo, é mais úmido e seu sabor lembra a rapadura. Isso porque ele passa por um cozimento e ocorre a cristalização do caldo de cana-de-açúcar. Além disso, como ele não passa pelo processo de refinamento, seus nutrientes são conservados, como ferro e cálcio. Ele pode ser usado em diversas receitas substituindo o açúcar tradicional, mas deixa um leve sabor residual.

Demerara

O processo de produção é bem parecido com o do mascavo, porém, ele ainda passa por um refinamento leve, sem receber nenhum aditivo químico. É um dos tipos mais caros no mercado.

Light

É uma combinação do açúcar refinado com adoçantes artificiais, como o aspartame. Ele tem 4 vezes mais poder de adoçar do que o açúcar comum. Por isso, é preciso tomar cuidado na hora de substituir o açúcar comum pelo light em suas receitas.

Outros açúcares

Existem ainda os tipos que são mais comuns na indústria ou específicos para uma receita. É o caso do vanille, que tem um leve sabor de baunilha e é usado em biscoitinhos e alguns tipos de bolos. Mas não é tão fácil de encontrar. Tem ainda o xarope invertido, que é a mistura de glicose, frutose e sacarose. É muito utilizado na indústria alimentícia para adoçar sorvetes, caldas, balas, licores, geleias, biscoitos etc. E o açúcar líquido, também chamado de xarope simples, usado na fabricação de balas e refrigerantes.

Atenção ao açúcar!

O excesso gera um processo inflamatório que desencadeia o aparecimento de obesidade, diabetes, hipertensão e síndrome metabólica, problemas que só aumentam se o consumo de açúcar não for reduzido. Os brasileiros ingerem cerca de 3,4 vezes a mais do que a quantidade recomendada desse alimento. “Apenas 5% das calorias consumidas todos os dias devem vir do açúcar branco, de adição, e aquele que está presente em mel, xaropes, sucos de caixinha, refrigerantes e todos alimentos industrializados que levam açúcar entre seus ingredientes, além de pães e bolos”, alerta a nutricionista Ariana Heredia. Isso não quer dizer que o alimento precisa ser excluído do cardápio, basta calcular até 4 colheres (sopa) de açúcar ao longo do dia. Isso para quem consome uma dieta de 2 mil calorias por dia, está com o peso normal e não é diabético. Nesse último caso, o consumo de açúcar é proibido e o uso de adoçantes deve ser priorizado.

Texto: Júlia Prado

 Consultoria: Ariana Heredia, nutricionista da HS Nutrição, www.hsnutricao.com.br 

faça um comentário

Mais receitas para você

Omelete de forno de legumes com queijo minas.

Omelete de legumes com queijo minas

Essa é a receita perfeita para quem quer muito sabor e pouco tempo na cozinha!

Receitas de estrogonofe

Receitas de estrogonofe: 36 opções para você se deliciar

36 receitas de estrogonofe para você ter muitas opções.

Receita de guacamole fácil e deliciosa

Guacamole fácil e deliciosa

Aprenda a fazer esta receita de guacamole fácil, que fica delicioso e é muito prático de fazer. Experimente fazer este final de semana para os amigos!

Omelete de forno com bacon

Omelete de forno com bacon

Aprenda a fazer esse delicioso omelete de forno com bacon. Veja como é fácil!

Receita salva com sucesso... Veja o seu Livro de receitas